OMS irá lançar esta semana uma aplicação com informações sobre a Covid-19

De forma a combater as noticias e informações falsas sobre a pandemia de Covid-19, a OMS (Organização Mundial de Saúde) está a desenvolver uma aplicação cujo propósito visa ajudar a população no combate e prevenção da doença.

A aplicação está a ser desenvolvida por ex-funcionários da Google e da Microsoft em conjunto com especialistas do Massachusetts Institute of Technology (MIT), consultores e embaixadores da OMS. Com o nome “WHO MyHealth”, a aplicação trará notícias, dicas importantes e todos os últimos dados relacionadas com coronavírus directamente da OMS. A aplicação irá fornecer notificações e alertas com base na localização do utilizador e testes para ajudar a identificar sintomas de Covid-19.

Existem ainda planos de integrar um acompanhamento das pessoas afectadas com base nos históricos de localização, num esforço para monitorizar contactos infectados e, assim, entender melhor a propagação do vírus, embora, neste caso, as rígidas regulamentações de privacidade de alguns territórios possam comprometer esta funcionalidade. O objectivo é que o utilizador possa tirar partido da tecnologia do Google Maps para indicar se foi diagnosticado como positivo ou se entrou em contacto com pacientes infectados, de forma a criar um mapa de movimento e permitir manter uma distância segura das áreas mais afectadas.

A aplicação WHO MyHealth está prevista ser lançada durante esta semana, estando disponível para equipamentos Android e iOS, para além de uma versão Web, e em diversos idiomas.

Partilhe este artigo:

por Paulo Miranda

Fundador do projecto Foneplay, desde muito cedo entusiasta pela tecnologia, tendo acompanhado toda a evolução da internet e telemóveis. Trabalha nesta área há muitos anos sendo fã de jogos e de todos os assuntos relacionados com as telecomunicações móveis. Facebook | LinkedIn

Ver todos os posts de Paulo Miranda →

Deixe uma resposta

Os comentários, que são moderados antes de serem publicados, são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. A Foneplay reserva-se no direito de excluir comentários que achar não serem adequados.