ZTE anuncia Axon M, smartphone com duplo ecrã dobrável

A ZTE Mobile anunciou esta semana o Axon M, um smartphone dobrável com dois ecrãs que oferece uma experiência revolucionária ao permitir que os consumidores realizem múltiplas tarefas em simultâneo. O grande atractivo do Axon M é a dobradiça central que permite dobrar o equipamento ao meio. O ZTE Axon M oferece novas experiências nunca antes vistas no mercado de smartphones em quatro diferentes modos.

O Modo Duplo permite que os consumidores usem duas aplicações em dois ecrãs diferentes ao mesmo tempo, oferecendo um potencial ilimitado nas combinações de aplicativos para que os consumidores possam fazer mais, de uma só vez.  Modo Estendido permite utilizar os dois ecrãs como um só, tornando-se assim num ecrã Full HD de 6,75 polegadas. O Modo Espelho permite a visualização do mesmo conteúdo ao mesmo tempo em ambos os ecrãs. Basta dobrar o dispositivo no modo Espelho e colocá-lo numa mesa para facilitar a visualização a partir de dois lados. Por fim, o Modo Tradicional que permite a utilização típica de um smartphone quando este estiver dobrado.

Em termos de especificações, o Axon M traz dois ecrãs FHD de 5,2 polegadas, revestidos com vidro Gorilla Glass 5, processador Snapdragon 821, uma câmara traseira de 20MP, 4GB de RAM e 64GB de memória interna.

O dispositivo está previsto chegar ao mercado norte-americano ainda durante este mês, com estreia nos mercado europeus em Novembro. O preço de venda deverá rondar os €700.

Partilhe este artigo:

por Paulo Miranda

Fundador do projecto Foneplay, desde muito cedo entusiasta pela tecnologia, tendo acompanhado toda a evolução da internet e telemóveis. Trabalha nesta área há muitos anos sendo fã de jogos e de todos os assuntos relacionados com as telecomunicações móveis. Facebook | LinkedIn

Ver todos os posts de Paulo Miranda →

Deixe uma resposta

Os comentários, que são moderados antes de serem publicados, são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. A Foneplay reserva-se no direito de excluir comentários que achar não serem adequados.