Google Play Pass chegou a Portugal

Após alguns meses depois da sua estreia, o Google Play Pass chegou a Portugal.

O Play Pass é um serviço de assinatura que dá acesso a centenas de aplicações e jogos completamente desbloqueados – sem anúncios, compras nas aplicações, e pagamentos antecipados. O serviço inclui já centenas de jogos, com novos a serem adicionados todos os meses.

O Play Pass está já disponível para os dispositivos Android em Portugal, sendo possível aceder ao serviço gratuitamente durante um mês e depois subscrever por €4,99/mês ou €29,99/ano. 

O utilizador vai encontrar títulos conhecidos como Monument Valley, Terraria e Star Wars: Knights of the Old Republic. E também outros títulos incríveis com os quais poderá estar menos familiarizado, tais como  Fireballz, Merge Shapes, Square Paint, Tasker ou What, The Fox? e muitos outros — haverá sempre algo novo a descobrir.  

Para tornar todas estas aplicações e jogos mais fáceis de encontrar, foi adicionado um novo separador Play Pass para os subscritores. As apps e os jogos do Play Pass também podem ser encontrados na Play Store – basta procurar a indicação Play Pass. Todas as aplicações  e jogos encontrados na página inicial do Play Pass ou através da Play Store estarão completamente desbloqueados através da respectiva subscrição.  

É possível partilhar a assinatura do Play Pass com até cinco outros membros da família. Cada membro da família pode aceder ao Play Pass individualmente, para que a sua experiência não seja afetada pelo que as outras pessoas descarregam.

Partilhe este artigo:

por Redacção

Equipa de redacção da Foneplay. Fundada em 2005, a Foneplay é um site focado em todos os assuntos relacionados com telecomunicações móveis, trazendo diariamente notícias e artigos sobre as novas tendências deste mercado.

Ver todos os posts de Redacção →

Deixe uma resposta

Os comentários, que são moderados antes de serem publicados, são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. A Foneplay reserva-se no direito de excluir comentários que achar não serem adequados.