Faz hoje 46 anos que foi feita a primeira chamada a partir de um telemóvel

Foi no dia 3 de Abril de 1973 que o engenheiro Martin Copper da Motorola, numa rua de Nova Iorque, fez a primeira chamada telefónica a partir de um telemóvel. Martin ligou para o seu principal rival, o engenheiro Joel Engel, líder da equipa de pesquisas da Bell Labs, uma divisão da AT&T, empresa de telecomunicações dos EUA, e terá dito “Só estou a ligar para saber se a minha chamada soa bem aí do seu lado”. Foi assim dado o primeiro passo para a produção do primeiro telemóvel do mundo, o Motorola DynaTAC.

No entanto, foram precisos 10 anos e um investimento de 100 milhões de dólares para aperfeiçoar o equipamento e colocá-lo à venda, sendo comercializado como Motorola DynaTAC 8000X. O dispositivo, que ficou conhecido como o “tijolo” (The brick) media 33 centímetros de comprimento, 4,8 de largura e 8,9 de espessura e pesava cerca de 800g. A bateria tinha uma autonomia de menos de 10 horas e de cerca de 1 hora em conversação. O equipamento custava cerca de 4000 dólares. Foram vendidas mais de duas mil unidades do DynaTAC 8000x, tendo sido descontinuado em 1994.

Martin Cooper, hoje com 90 anos, comenta sobre o dispositivo: “O primeiro modelo de telemóvel pesava praticamente um quilo e você só podia falar 20 minutos antes que a bateria se esgotasse. Mas era tempo suficiente, porque você não iria aguentar segurar o aparelho por mais tempo que isso.”

por Paulo Miranda

Fundador do projecto Foneplay, desde muito cedo entusiasta pela tecnologia, tendo acompanhado toda a evolução da internet e telemóveis. Trabalha nesta área há muitos anos sendo fã de jogos e de todos os aspectos relacionados com as telecomunicações móveis.

Ver todos os posts de Paulo Miranda →